Livro Man In The Music – Cap 7 – Invincible: ” Outras Notáveis Canções da Era Invincible “

 

A PLACE WITH NO NAME (gravada em 1998, não lançada) Uma revisão muito legal de um clássico hit da América, “A Horse With No Name”. Jackson gravou a faixa, em 1998, com o produtor R&B Dr. Freeze. Uma porção dela foi vazada pouco depois da morte de Jackson em 2009.

ANOTHER DAY (gravada em 1999, não lançada) (Veja apêndice.)

BEATIFUL GIRL (gravada em 1998, lançada no Michael Jackson: The Ultimate Collection, 2004) Uma exuberante balada escrita e trabalhada com Brad Buxer. A música contém produção sublime e lindas harmonias. Ela, também, apresenta Jackson cantando em um registro mais profundo que o usual, para maravilhoso efeito.

BLUE GANGSTA (gravada em 1999, não lançada) Uma, há muito, perdida sequencia para “Smooth Criminal”, “Blue Gangsta” é uma marcante gema, ainda a ser lançada, que atrai inspiração de fontes tão díspares quanto à era de filmes de gangters da Velha Hollywood, Westerns (note o impassível assobio), cabaré, funk e jazz.
Ela faz uma aventurosa e excitante experiência auditiva. Da grande brass cinemática ao acordeom estilo italiano, às maravilhosas harmonias, ela é, sem dúvida, uma faixa ponto de referência para Jackson, que deveria ter sido feita para um grande curta-metragem. Um remix hip-hop não oficial da música foi vazado pelo rapper Tempamental em 2006. A música original foi gravada com Dr. Freeze em 1999.

CAN’T GET YOUR WIGHT OFF ME (gravada em 2000, não lançada) Uma faixa rítmica Jackson-Jerkins com um som similar a “Invincible”.

ESCAPE (gravada em 2000, não lançada) Uma faixa rítmica funk, sonoramente inventiva, que justapõe uma batida funk provocante, mecânica, como harmonias suaves, leves. A música, que começa com uma fuga de presos, é um tipo de mistura entre “Speed Demon” e “Scream”, pois Jackson expressa o desejo dele de “fugir de um sistema” que o sufoca e encarcera. Uma versão vazou em 2002. Ela tem, desde então, se tornado uma favorita dos fãs, mas ainda a ser lançada.

FALL AGAIN (gravada em 1999, lançada no Michael Jackson: The Ultimate Collection, 2004) Uma balada linda, evocativa, na qual Jackson trabalhou com Walter Afanasief e Robin Thicke. Jackson nunca completou a música totalmente, mas uma demo excelente foi lançada em The Ultimate Collection. Ela é uma das muitas das gemas escondidas, não lançadas em álbuns, e favorita dos fãs.

I HAVE THIS DREAM (gravada em 1999, não lançada) Um hino do novo milênio, no qual Jackson trabalhou com David Foster e Carole Bayer Sager. Ela foi bastante discutida antes de Invincible ser lançado, mas por fim, não fez parte do álbum.

ONE MORE CHANCE (gravada em 2001, lançada no Number One, 2003) Uma agradável balada meio tempo, que quase soa como a era Thriller de Jackson. Ela foi escrita por R. Kelly, além de “Cry”, mas por fim, foi descartada para Invincible. A música foi, mais tarde, lançada com a única faixa inédita do greatest hits collection Number One.

 

SHOUT (gravada 2000, não lançada) Uma adaptação rock/hip-hop do hit de mesmo nome dos Isley Brothers, de 1959. Em vez de celebração, como a original, Jackson bate algumas letras intensas sobre uma entalhada batida e guitarra que grita. “Vivendo enjaulados como animais e canibais”, ele diz em um verso, “Comendo uns aos outros vivos para sobreviver à hora do expediente”. Ela estava agendada para aparecer em Invincible até o último mês, quando Jackson decidiu substituí-la por “You Are My Life”.

 

SLAVE TO THE RHYTHM (gravada em 2003, não lançada) Uma incrível electro pop club explosiva, na qual Jackson, originalmente, trabalhou com Jimmy Jam e Terry Lewis. Jackson, supostamente, revisitou-a muitas vezes, durante anos, mais recentemente com Tricky Stewart.

THE WAY YOU LOVE ME (gravada em 2000 no Michael Jacskon: The Ultimate Collection, 2004) (Veja Apêndice)

                          

WE HAD ENOUGH (gravada em 2000, lançada em Michael Jackson: The Ultimate Collection, 2004) Uma ponderosa faixa antiguerra produzida por Jackson e Carole Bayer Sager e Rodney Jerkins. Uma das muitas faixas fortes o bastante para estar em Invincible, mas em vez disso, foi lançada no The Ultimate Collection em 2004.

WHAT MORE CAN I GIVE (gravada em 1998 e 2001, lançada em 2001 como download digital) Este hino, escrito por Jackson, foi primeiro usado para os concertos de caridade de Nelson Mandela – “Michael and Friends and What More Can I Give” – e, mais tarde, em benefícios das famílias das vítimas de 11 de setembro. Uma versão apresentava apenas Jackson em vocais, enquanto outra apresenta Beyoncé, Céline Dion e Mariah Carey, entre outros.

  Jackson promove Invincible na Times Square

Jackson promove Invincible na Times Square

 

Livro Man In The Music -Cap 8 – Os Últimos Anos

Sobre PoemforMJ

Michael ... "Quando olho no dentro dos seus olhos eu sei que é verdade.Deus deve ter gasto um pouco mais de tempo em você!"
Esse post foi publicado em Livro Man In The Music e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s